Você e seu parceiro estão precisando de um incentivo? Deixar a pessoa com quem você se relaciona sabendo o quanto você a valoriza nem sempre é fácil… e, se vocês estão em um relacionamento há algum tempo, pode parecer que, às vezes, estão falando línguas diferentes quando tentam comunicar o amor, não é verdade?

Foto colorida de casal sentado no chão de uma sala. A mulher está com o queixo no ombro do homem.
O amor tem várias linguagens, e saber expressá-las pode melhorar bastante o seu relacionamento.

Em ‘’As Cinco Linguagens do Amor: Como Expressar Compromisso com Seu Cônjuge’’, o autor categoriza cinco maneiras gerais pelas quais os parceiros expressam e experimentam o amor:

  1. Palavras de afirmação
  2. Tempo de qualidade
  3. Atos de serviço
  4. Presentes
  5. Contato físico

Para ajudar a entender o que cada um desses tópicos significa e como incorporá-los na sua rotina, separamos algumas dicas para te ajudar. A primeira delas é que nem sempre entendemos a nossa própria linguagem de amor e, tampouco, a quem está ao nosso lado. Isso pode fazer com que ambos se sintam, continuamente, desconsiderados e não amados, apesar de tentarem se conectar. É por esse motivo que é tão importante entender a nossa própria expressão do amor, pois quanto mais autoconhecimento temos, mais inteligência emocional estaremos aptos a desenvolver. Dessa forma, teremos mais facilidade em nos conectar com os outros, o que inclui o nosso parceiro, de maneiras saudáveis.

Sem mais delongas, confira agora todas as cinco categorias.

Palavras de Afirmação

Normalmente, as pessoas que estão em um relacionamento valorizam se sentir apreciadas, amadas e compreendidas por seus parceiros por meio de agradecimentos verbais, ou seja, por demonstração de afeto através das palavras. Para agregar essa linguagem do amor, termos como ‘’eu te amo’’, elogios sinceros, palavras de incentivo e apoio são exemplos perfeitos.

Tempo de qualidade

As pessoas que vibram com essa linguagem de amor se importam com o sentimento de ser visto, aceito e adorado. Assim, compartilhar tempo intencional com seu parceiro, longe de telefones, televisão e qualquer outra coisa que os distraia, é um bom exemplo. Que tal se afastar um pouco das ‘’telas’’ e focar mais naquilo (nesse caso, em quem) realmente importante?

Sabemos como pode ser difícil cultivar essa linguagem devido a todas as distrações ao nosso redor, mas honrar esses momentos é muito importante para um casal. Um breve momento de conexão intensa, conversas profundas e contato visual focado, fará muitíssimo bem ao relacionamento de vocês.

Atos de serviço

Você já deve ter ouvido a frase “atitudes falam mais que palavras”, não é? Pois bem, esse é o lema dessa linguagem de amor. Atos de serviço nada mais é que fazer coisas pelo seu parceiro, na maioria das vezes na tentativa de tornar a vida dele mais fácil. Desse modo, você valoriza os sentimentos dele de ser profundamente querido e apreciado. Para se conectar com um parceiro que “fala” essa linguagem de amor, tente fornecer conforto em momentos de estresse e procure oportunidades para aliviar sua carga, ainda que isso signifique ter que abrir mão de algumas vontades sua.

Presentear é uma das linguagens do amor

Receber e dar presentes é uma linguagem do amor, sabia? Todavia, fique claro que o valor de um presente não está vinculado a uma etiqueta de preço, ok? Afinal, é comum acharmos que presentear alguém esteja intimamente ligado a coisas caras, mas, na realidade, é tudo sobre o valor percebido em termos de consideração.

Foto colorida de dois braços.
O contato físico aprofunda a intimidade de um casal. No entanto, essa linguagem do amor extrapola as relações sexuais.

Toque Físico

Antes de mais nada, vamos deixar isso bem claro: a linguagem do amor do contato físico vai muito além da intimidade sexual, ok? O toque físico também pode ser bastante significativo e essa linguagem é realmente sobre mostrar amor por meio de expressões físicas. Segurar as mãos, beijar e  abraçar são exemplos fáceis e comuns. Dessa forma, a profunda intimidade emocional que experimentam com seus parceiros quando o toque está envolvido, seja de natureza não sexual ou sexual é importantíssima para saúde da relação.

Esperamos que você consiga incorporar todas essas atitudes e melhorar a forma como dá e como recebe amor! Ah, se precisar de uma ajudinha para melhorar o seu relacionamento, esse artigo pode te ajudar!

 

Deixe uma resposta