Principalmente no início do relacionamento, é comum querer passar o tempo todo juntos. No entanto, se não houver um equilíbrio e vocês não fizerem nada separados, pode, na verdade, atrapalhar a relação. Por isso, é importante ter um tempo só para você no relacionamento. Se quiser entender melhor o porquê, continue lendo este texto.

Mulher sorrindo enquanto mexe no celular. Ela é careca e está com um óculos de grau na cabeça, usa camisa branca, pulsiera vermelha.
A ideia pode parecer que vai afastar vocês, contudo, só vai tornar o relacionamento mais saudável. (Reprodução/Pexels)

Alguns casais quando começam a se relacionar só saem juntos. Então, quando um decide começar a passar mais tempo sozinho ou com os amigos parece estranho e egoísta até. No entanto, não é. Em um relacionamento saudável, cada um precisa ter seus próprios interesses e se amar em primeiro lugar. Assim, você se cuida e se recarrega. De modo que conseguirá curtir muito mais os momentos com ele.

Além disso, quando vocês se conheceram, se apaixonaram por tudo que o outro era. Desse modo, ter um tempo para si, ajuda a manter sua individualidade, ser a pessoa que você era no começo da relação. E saber que independente de estarem juntos ou não, você tem suas coisas e pode contar consigo mesma para ser feliz.

Duas mãos se esticando para se tocar.
Como diria aquela canção do Supercombo: “Antes de sermos 2 a gente tem que saber ser 1”. (Reprodução/Pexels)

Outras vantagens de reservar um tempinho para si, são:

Poder aprender novos hobbies ou interesses. Como pintar, cozinhar, fazer aula de dança, ou qualquer outra atividade que sempre teve vontade de praticar. O que vai ajudar na sua saúde mental. Além de fazer você ficar mais interessante e ter mais assuntos para conversar com ele. Pois, é essencial que a comunicação de um casal não se resuma a vida a dois, mas que também inclua as particularidades de cada um.

Ademais, ajuda a melhorar seu relacionamento, visto que, você vai estar fazendo o que gosta e será mais feliz. Portanto, ter seu próprio tempo para sair, ver as amigas, os familiares e ter seus próprios hobbies (e ele também, claro), não é um sinal que o relacionamento não está indo bem ou algo tipo. Mas, um sinal que você se importa consigo e com seu parceiro. O que fortalecerá a relação e mostrará a maturidade de ambas as partes. Em função disso, aprenderão a confiar mais um no outro .

Casal sorrindo sentados na cama, ela está com um caderno aberto e ele com um celular na mão.
Afinal, é de senso comum que um tempinho longe dá saudade. (Reprodução/Pexels)

Então, você me pergunta: como fazer isso?

As vezes a situação é mais profunda, que vai além do seu relacionamento com ele em específico. Pode ser que esteja tão habituada a ter alguém consigo em todos os momentos desde a infância, que não aprendeu a ter um tempo sozinha. Ou até mesmo sempre precisou cuidar dos outros e isso se tornou rotina, então não sabe quando parar e cuidar de si mesma.  Dessa maneira, é importante um processo de autoconhecimento. Entender suas razões e trabalhar nelas. Se precisar, com ajuda de um terapeuta. Entretanto, pode tentar aos poucos, no dia-a-dia, a sair da zona de conforto. Os hobbies citados anteriormente, são uma forma de se conhecer também. Bem como, viajar sozinha e curtir a vida.

O que achou dessa reflexão? Me conta nos comentários!

Deixe uma resposta