Se você decidiu que vai criar seu próprio negócio, mas ainda não sabe sobre o que ele vai ser, este texto pode te ajudar. Pois, uma área que promete bombar no ano seguinte são as relacionadas ao casamento. Visto que, devido a pandemia muitos precisaram ser cancelados ou reagendados. Assim, o comércio de alianças também terá uma alta e será mais vantajoso revender. Para entender mais sobre isso, continue lendo.

Noiva apoiando sua mão no vestido. Ela está com aliança prata e pulseiras de pedrinhas brancas.
Este artigo está dividido em três partes: o que é ser uma revendedora, por que revender alianças e quais as vantagens de ser uma revendedora.  (Reprodução/Pexels)

O que é ser uma revendedora?

Basicamente, revender é comprar os produtos de um local, para poder vendê-los em outro. Por exemplo, se você quer vender cosméticos, mas não quer/pode produzi-los, é necessário comprar de uma marca que já fabrica e vende a preço mais barato para quem quer revender, como a Natura, a Avon, etc.

O processo para revender, normalmente é o seguinte, você faz o cadastro com a marca e espera a aprovação. Depois, depende muito da empresa, em geral, são duas opções: ou você terá acesso ao catálogo para mostrar para os clientes ou fará compra dos produtos em grande quantidade para poder ir vendendo.

Por que revender alianças?

Primeiramente, o mercado de alianças nunca para realmente, sendo então, lucrativo. Mesmo na pandemia, em que o setor de casamentos ficou muito prejudicado, por precisarem ser adiados ou cancelados, muitos casais ainda compraram alianças, seja de namoro, noivado ou casamento. Até porque, alguns não puderam fazer um evento, mas se casaram no civil.

Ademais, vender alianças é muito satisfatório, pois você sabe que está fazendo parte da vida dos casais. Dado que, a aliança será uma peça que usarão enquanto estiverem juntos.


Para começar a revender é preciso encontrar fornecedores de qualidade e que queiram fazer uma parceria contigo. Portanto, seja uma revendedora da Altar Alianças! Entre em contato pelo nosso Instagram ou clicando no botão do Whatsapp, no canto direito inferior.


Várias alianças na espuma branca de uma maleta de joias.
Para aprender a por sua revenda em prática, leia nossa matéria “Como ser uma revendedora de joias?”, clicando aqui. (Reprodução/Freepik)

Quais as vantagens de ser uma revendedora?

Baixo Investimento Inicial

Ao contrário da empresa que cria o produto e precisa se preocupar em gerir a fábrica, contratar alguém para fazer os designs das alianças, se atualizar com as novas tendências, etc, você já tem acesso ao produto pronto. Ou seja, não há um grande investimento inicial. Sendo mais fácil você ir comprando aos poucos, de acordo com o crescimento da demanda.

Liberdade financeira

Outro ponto, é que ser uma revendedora, sendo sua fonte de renda principal ou não, te ajuda a juntar dinheiro e conquistar uma liberdade financeira maior. Isto é, vai poder realizar seus sonhos, comprar o que deseja e por cima, se tornar sua própria chefe.

Pagando através do contato do relógio com a maquininha.
Iniciar seu próprio negócio pode ser a experiência mais incrível da sua vida. (Reprodução/Pexels)

Fonte de renda extra

Investir no seu negócio e tornar ele sua fonte renda principal, ou seja, trabalhar só com seu empreendimento, é uma boa opção. Contudo, se você está só precisando de uma renda extra, seja para as contas da casa ou para juntar e gastar consigo mesma, a revenda é uma ótima saída. Afinal, você pode mostrar para as pessoas que conhece, como sua família e seus colegas do trabalho, bem como divulgar no Instagram.

Expandir seu portfólio de produtos

Caso você já trabalhe com a revenda de outros produtos, revender alianças é expandir seu repertório. Principalmente, para quem trabalha com a revenda de joias e semijoias, ter alianças no seu catálogo torna ele mais completo.

Duas alianças em cima de flores brancas
Algumas alianças sempre vão precisar estar no seu catálogo, como as clássicas, e então, se completa ele com as tendências que chegam. (Reprodução/Freepik)

Networking

Por último, com a revenda, você vai construindo um  relacionamento com os clientes, assim como, conhecendo diferentes fornecedores. O que te faz criar uma rede de contatos extensa (conhecida como networking).  A partir dela, pode gerar outros tipos de negócios que precisar.

Como dito anteriormente, conte com a Altar Alianças nesse processo de se tornar revendedora! Qualquer dúvida ou sugestão, é só deixar nos comentários

Deixe uma resposta