Quer seja por conta da renovação de votos, para trocar o modelo do anel, ou mesmo por uma decisão mútua – vários são os motivos que podem levar um casal a desejar trocar as alianças que estão sendo usadas. Não importa nem mesmo se estamos diante de alianças de casamento, namoro ou noivado.

Noivos trocando as alianças durante a cerimônia de casamento
No casamento em si, as alianças vão da mão direita para a esquerda.

O que importa aqui é que os votos estão sendo renovados, refeitos, e o relacionamento está sendo polido, tornando-o mais atual, vívido e recente. Um casal apaixonado pode desejar fazer a troca de alianças quando bem entender, mas nós aqui da Altar resolvemos explicar um pouco mais do simbolismo dessa troca de anéis e como você pode melhor encaixar em sua vida, caso não entenda bem essa rotina.

O simbolismo da troca de alianças

Já vimos aqui em nosso blog sobre o simbolismo da própria aliança, e como ele mudou com o decorrer dos anos. Mas, outra parte da cultura de usar esses anéis com as pessoas amadas, é a renovação de votos, ou mesmo, a atualização dos anéis a fim de tornar os mesmos mais modernos.

Ao trocar alianças, um casal pode estar emitindo diversas mensagens, e tão somente os entes do casal podem definir exatamente a motivação. Quer seja uma renovação de votos, como já falamos, ou mesmo para fazer uso de peças com maior qualidade, celebrar bodas de namoro ou casamento, ou mesmo trazer certo simbolismo para a superação de crises.

Homem colocado um solitário na mão de sua noiva
Aquele momento que o noivo coloca o anel no dedo de sua amada

De toda sorte, comentaremos mais abaixo algumas motivações que são bem comuns de vermos aqui na Altar quando conversamos com nossos clientes. Vale lembrar que, tal qual comentamos previamente, a decisão do motivo da troca é puramente do casal, e sua realidade pode ser simplesmente única, e isso não a faz uma motivação menos importante para a troca das alianças.

Alguns motivos que podem determinar a hora de trocar alianças

· Bodas: Um dos motivos mais comuns que vemos são as bodas. Conforme os anos passam, muitas vezes o casal percebe que estão se tornando novas pessoas, e as bodas são uma ótima forma de perceber como tanto um quanto o outro dos companheiros, cresceu e mudou com o dia a dia. Uma boa ideia é associar o tema das bodas ao novo pedido de casamento, por exemplo;

Casal de idosos se abraçando e comemorando bodas
As Bodas são um excelente momento para se trocar as alianças

· Marcos importantes no relacionamento: Quer seja uma linda viagem de casal, a superação de um momento difícil, o nascimento de um filho – qualquer marco pode ser simbolizado e eternizado com a troca de alianças. As alianças novas que carregarão consigo não somente os novos votos, como também constatarão o marco deixado pelo acontecimento;

· Renovação dos votos: A renovação de votos costumava acontecer sempre a cada 25 anos de relacionamento. Mas, a cultura atual já prega que deve ser feita um pouco mais frequentemente – a cada 5 anos. Esses ciclos vão depender de pessoa para pessoa, de casal para casal, mas a regra é sempre a mesma – quando sentir que o casal não é mais aquele que colocou os anéis, a renovação pode ser uma ótima ideia para reapresentar essas duas pessoas;

· Troca ou atualização do modelo: Por fim, esse apelo vai para aqueles que amam moda, ou mesmo que desejam estar sempre em dia com o que as tendências mandam. Atualizar o modelo é um símbolo de jovialidade, modernidade, e claro, cuidado.

Não importa qual dos motivos acima lhe levou a nos procurar aqui no blog, saiba que estamos esperando desde já a sua visita ao nosso simulador virtual, onde você poderá desejar suas alianças e realizar sua encomenda sem mais delongas.

Lembre sempre: na Altar, você transforma suas alianças dos sonhos em realidade!

Deixe uma resposta